segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Raio tira do ar TV e rádios do grupo Meio Norte

963596e6-d2df-4737-8de2-3ed0ad3dfad4
A TV Meio Norte, a Boa FM e a rádio Meio Norte FM ficaram temporariamente fora do ar na tarde desta quarta-feira (25). Uma descarga atmosférica atingiu a Central Técnica da Rede Meio Norte e danificou equipamentos durante uma forte chuva que caia em Teresina.Programas deixaram de ir ao ar na TV Meio Norte. A produtora do jornal “Agora”, Rhayara Pontes publicou em seu perfil no twitter sobre o acontecido. “Hoje foi um dia tão louco que eu ainda estou me recuperando. Você se prepara pra colocar o jornal no ar e aí cai um raio dentro da Emissora”. Em outro tweet, Rhayara descreveu o momento que o raio atingiu o grupo Meio Norte. “eu fiquei muito assustada! Ouvimos um barulho imenso. Tinha muito conteúdo legal pra entrar no jornal. Uma pena”, finaliza.Tweet de Rhayara Pontes (Reprodução: Twitter)Além do “Agora”, o programa SuperTop não foi ao ar. A programação das rádios Boa FM e Meio Norte FM também deixaram de ser transmitidas por algum tempo, mas sendo restabelecidas posteriormente. O portal Meio Norte e o site do jornal Meio Norte ficou com atualizações suspensas durante algumas horas.Em publicação no portal, o grupo Meio Norte pediu desculpas pelos problemas que aconteceram com a programação. “O Grupo de Comunicação Meio Norte pede desculpas pelos transtornos, oriundos unicamente de um fenômeno atmosférico, e informa que a programação foi completamente restabelecida. Reiteramos nosso compromisso com os telespectadores, ouvintes, leitores e internautas”, responderam fonte;oitomeia.com.br



sábado, 25 de fevereiro de 2017

Quando e onde ver o eclipse solar com anel de fogo Neste domingo acontecerá o primeiro eclipse anular do sol em 2017, visível apenas no Hemisfério Sul


Eclipse solar anular 2017   AFP
Acontece neste domingo um eclipse solar anular que será visível apenas no Hemisfério Sul. Trata-se de um fenômeno astronômico no qual a Lua passa na frente do Sol, impedindo momentaneamente sua visão. Diferencia-se do eclipse solar total porque, no anular, a Lua só tampa o centro do sol, deixando ao seu redor um anel de fogo visível na Terra.
Eclipses desse tipo são relativamente comuns, a cada um ou dois anos, embora nem sempre sejam visíveis no Brasil. Desta vez será possível observá-lo parcialmente em várias cidades e também em países vizinhos, como Chile e Argentina.
Não é recomendável olhar diretamente para o eclipse solar, seja a olho nu ou com óculos de sol, radiografias e telescópios. O ideal para observar o fenômeno é colocar uma folha de papel com um furo diante do sol A imagem do eclipse é então projetada numa segunda folha, onde podemos apreciá-lo com segurança.
A NASA preparou um mapa no qual é possível consultar a hora exata do eclipse em diferentes lugares do mundo. No Brasil, ele poderá ser visto em várias regiões, mas apenas como eclipse solar parcial (não anular). A partir das 09h44 (hora local) poderá ser observado em lugares como Porto Alegre, alcançando seu ponto máximo às 11h11 e terminando por volta de 12h43. Já em Fortaleza ele começará mais tarde, às 11h45, atingirá seu ponto máximo às 12h28 e terminará às 13h10. No resto do país, o eclipse começará entre 10h e 11h, aproximadamente, chegará ao seu máximo entre 11h e 12h e terminará entre 12h e 13h.
Em outros países do sul da América e da África também será possível observar o eclipse, mesmo que de forma parcial, e não em todos as regiões. Por cidades, Santiago (Chile) verá 64% do espetáculo, o Rio do Janeiro enxergará 53%, Lagos (Nigéria), 36%, e a Cidade do Cabo (África do Sul), 52%, segundo o IAA (Associação Astronômica Irlandesa).fonte; http://brasil.elpais.com/brasil

domingo, 19 de fevereiro de 2017

Empresário Edvar Lopes pede a união do comercio de Uruburetama.

Amigos:

Esta semana foi bem difícil para nós que pagamos as BOLSAS DO GOVERNO FEDERAL. Sem recursos e com pouco dinheiro circulando na cidade, vimos muita gente sair da cidade, para outros municípios, numa tentativa de receberem seus benefícios. Isto tudo poderia diminuir se os comerciantes em geral, entendessem que precisamos de ajuda, para que o dinheiro volte aos seus comércios, circulando na cidade.
A forma é simples. Bastava que ao invés de pagarem em outros locais similares, os boletos no limite de r$ 700,00 fossem pagos na Lotérica para que pudéssemos efetuar o pagamento das bolsas, do PIS/PASEP e Aposentados e Pensionistas do INSS.
De vez em quando, ouvimos falar de comerciantes fazendo críticas pela demora dos referidos pagamentos, não sabendo eles que Caixa Econômica Federal, não disponibiliza dinheiro para provisão dos pagamentos.
São nesses momentos que lamentamos a falta de uma ASSOCIAÇÃO DE EMPRESÁRIOS(CDL) na cidade. Onde através de um trabalho informativo, mostrasse a necessidade de união, para fomentação da economia do município.
Não existe cidade grande com comércio pequeno, não existe crescimento sem união e conscientização. Por enquanto continuaremos limitados e resmungando sempre, até que se mude o pensamento e passemos a pensar grande e na coletividade.
Um abraço a todos e que Deus nos ajude em mais uma semana que se inicia.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Gritos de 'fora, Temer' e 'fora, Doria' marcam desfile do bloco Soviétic


Humor: fora Temer , mas obrigada pelo FGTS. Falta de sinalização na rua Fernando de Albuquerque coloca foliões em meio a carros. No local há a concentração do bloco soviético
Gritos de "fora, Temer" e "fora, Doria" marcaram o desfile do Bloco Soviético, que deu início a sua concentração às 14h na rua Haddock Lobo, na região oeste de São Paulo.
Em sua 5ª edição, o bloco, que segue para a rua Augusta, relembra os cem anos da Revolução Russa.
Além dos gritos, foliões do cortejo erguiam cartazes bem-humorados com frases como "Fora, Temer, mas obrigada pelo FGTS".
A assessora de marketing Atalija Lima segurava o cartaz. "Sou contra? Sou contra. Foi golpe? Foi golpe. Mas obrigada. Vou receber uma bolada", diz ela, que afirma que receberá cerca de R$ 15 mil, dinheiro que pretende gastar no Carnaval.
Vestido de cinza, um folião levava uma tiara com uma placa escrita "Muro de Doria", fazendo referência a polêmica entre o prefeito João Doria (PSDB) e os pichadores.
Além de roupas vermelhas, figurino característico dos foliões do bloco, haviam pessoas com camisetas com dizeres como "Dima guerreira".
A ex-presidente Dilma Rousseff ainda foi inspiração para fantasias, assim como a primeira-dama Marcela Temer.
Durante o desfile, na rua Augusta, um carro passou pelo meio da multidão. Ninguém tinha informações sobre o ocorrido.
CARNAVAL EM SP
A cidade terá um final de semana agitado, com 170 desfiles espalhados por diversas regiões neste sábado (18) e domingo (19).
A programação inclui blocos de manhã até a noite e será um teste para a infraestrutura montada pela gestão João Doria (PSDB) para 2017, incluindo restrições em áreas como miolo da Vila Madalena (zona oeste), Minhocão e praça Roosevelt (centro).
A prefeitura também decidiu montar palcos para shows no Anhangabaú e no largo da Batata, que funcionarão até as 23h para atrair os foliões dispersos dos blocos. fonte;folha.uol.com.br

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Fenômeno climático deve causar chuvas fortes no Ceará; afirma Instituto de Meteorologia

ChuvasA expectativa, de acordo com Instituto de Meteorologia Climatempo, é que o Ceará registre, nos próximos dias, chuvas frequentes em várias regiões. A pesquisa, realizada pelo Instituto, afirma que o surgimento de uma maior circulação de ventos na região Nordeste trará um forte fluxo de umidade para os municípios do Estado, causando as precipitações. A previsão é de chuvas com volume de até 100mm em algumas cidades.
As chuvas poderão ser observadas a partir desta sexta-feira (10), persistindo todo o final de semana até a metade da próxima semana. Segundo a meteorologista do Instituto Climatempo, nos satélites de hoje é possível ver nuvens carregadas no Maranhão e no Piauí, que serão dispersas por todo o Nordeste após a mudança na circulação dos ventos.
Outro fator relevante é a permanência da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) em torno da costa norte da região Nordeste, o que indica a possibilidade de ocorrência de chuvas. Entretanto, o Instituto ressalta que esses fatores, embora acumulem chuvas de mais de 100mm, ainda não serão suficientes para reverter o quadro de seca no Estado. fonte;verdinha.com.br

General fala em intervenção se Justiça não agir contra corrupção Diego Vara - 28.abr.2014/Agência RBS/Folhapress O general Antônio Hami...